BREAKING NEWS

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Classificados: Carro de Luxo de Graça

O “inteligentemente asno” dinheirólogo João Homem estava com dois carros e uma moto na garagem. Um carro feio no valor de 10k para utilizar no dia a dia. Um carro luxuoso e bonito, no valor de 35k (barato pro carro que é) pra bolerar nos finais de semana. Uma moto que não serve pra quase nada, mas que vale apenas 3k e por isso continua em minha garagem.

Apesar de ter comprado o feiosinho à vista, fiz um financiamento posterior em cima dele e por isso pago 250 reais por mês, mais os quase 300 reais por ano de impostos. A moto não me gera despesa quase nenhuma, tirando os impostos.
Já o grandão, usado apenas nos finais de semana, foi pego num negócio e deveria ser vendido logo para gerar algum lucro. O problema é que acabei gostando de “pagar de gatão” e fui gostando de assumir as prestações de 940 reais, mais 1.150 reais anuais de IPVA.

Pagando de gatão...

Esse veículo luxuoso caiu no meu colo, depois de uma negociação mal sucedida entre meu irmão (ex-dono) e um comprador (ex-dono tb). O cara não conseguiu pagar e fiz um acordo verbal com meu irmão, que assumiria o carro e suas despesas.
Paguei uma prestação e usei de inteligência financeira para negociar as demais, que estavam em atraso, com a instituição financeira credora.
Após 2 meses batendo de carrão, uma altercação familiar, fez com que meu irmão tomasse a decisão de me tomar o carro... (kkkkk Casos de Família)

Graças à minha frieza, assim que controlei meu impulso de querer jogar um botijão de gás no parabrisa do carro, percebi que tinha errado ao fazer um acordo verbal (ainda mais com um parente!!!) e tive o meu consciente financeiro acessado após uma longa hibernação.

Oras!!! Meu carrinho feio, me leva para todos os lugares, fazendo 14km/l com ar condicionado ligado!!! Ok, não consigo pagar de gatão com ele. Mas posso pagar um táxi, ou alugar um carro e pagar de gatão do mesmo jeito, que ainda saio no lucro!

Vejam só a matemática do gatão...
O carrão do gatão me custava cerca de R$ 1.040,00 por mês, sem contar a manutenção e pneus caríssimos. Ah e sem contar a depreciação, pois o modelo saiu de linha esse ano.

Bom se quiser usar o serviço de táxi, pra me levar de casa até o coração da Savassi, onde estão localizadas as melhores baladas de BH, pagarei cerca de 70 reais pra ir e voltar. Com a vantagem de não correr o risco de cair numa blitz da Lei Seca (Tequilas Party Now!!!).
Levando em conta que utilizaria o serviço 2 vezes na semana, gastaria R$ 560,00 por mês e ainda me sobrariam uns R$ 500,00 mensais para investir. Atenção, pois não contabilizei o valor do combustível que gastaria com veículo próprio.

Caso aconteça alguma situação em que eu realmente precise de um carro legal pra dar uma 'avultada' no status, basta alugar um veículo de luxo por R$ 360,00 e ainda me sobrariam R$ 140,00 por mês para investir.

Levando em conta aqueles 500 reais de sobra mensais, investidos por 45 meses (como as prestações do carrão), a uma taxa módica de 0,75% ao mês, sem descontar a inflação, em oposição à depreciação e manutenção do veículo, conseguirei economizar R$ 26.000,00, que deverá ser maior que o valor do veículo na mesma época.
Agora se eu quiser economizar tudo, basta eu esquecer essa vida de pagar de gatão e levar uma vida mais no estilo europeu, com meu feiozinho.

O puro Estilo Europeu...
Às vezes a matemática te ajuda até mesmo em problemas sentimentais.
Por R$26.000,00 a mais na conta?!?
JUST LET IT GO!

2 comentários :

  1. putz... logo agora que tava cansando de andar de corsinha 1.4 ....acho q vou ficar com ele mesmo, já fiz as mesmas contas e é muito bom saber que nao sou só eu que penso nelas antes de pagar de gatão de novo.

    que bom q voltou Cão, n sei ao certo quais foram os probs q te afastaram por tanto tempo, mas... never give'up ! bro.

    a caminhada é longa, o tempo é curto e tem dias (ou meses) que é porrada de todo lado... mas... paciência. Acho q a perceverança é um dos principais valores que temos que aprender a vivenciar.

    ResponderExcluir
  2. Pois é Tops! Meu 2011 foi um ano que jamais esquecerei...
    Tô de volta!
    Quem disse que seria fácil? kkkkkkk

    Abraço.

    ResponderExcluir

Escolha bem suas próximas palavras! hehehe
Brincadeirinha!