BREAKING NEWS

segunda-feira, 3 de março de 2008

Ações - Mercado de Renda Variável

Falaremos um pouco sobre esse assunto aqui, o Mercado de Renda Variável, mas tentarei explicar da forma mais “entendível” possível, pois alguns (inclusive eu) vêem dificuldade em entender por causa dos demasiados termos técnicos, estrangeiros e etc.
Essa será uma visão bem superficial do tema, só para mostrar que não é nenhum bicho-papão, e quem quiser saber mais, terá que enfiar a cara em livros e cursos e comer com farinha.

“- Não invisto em Ações, pois sei de muita gente que perdeu tudo! É muito arriscado!”
Muita gente fala isso. Quando meus familiares e amigos souberam que eu investia nesse mercado, só faltaram me internar.

Pense no Mercado de Ações, como uma feira. Lá tem diversos tipos de frutas e legumes, gente querendo vender e gente querendo comprar. Sobre os preços nessa feira, age a lei de Mercado (Oferta/Demanda). Quanto maior a demanda (Gente querendo comprar), mais o preço daquele legume subirá. Quanto maior a oferta (Gente querendo vender), mais o preço do mesmo legume cairá. A respeito da liquidez nessa feira, tem legume que é mais fácil de achar tanto pra comprar, como pra vender, em qualquer época do ano. Mas também tem legume difícil de achar em qualquer época do ano.

Uma ação é uma pequena parte de uma empresa de capital aberto. As empresas de capital aberto, são aquelas que seus valores mobiliários são admitidos nos mercados organizados (ex.:Bolsa).
Existem dois tipos de ações: Ordinárias (ON) e Preferenciais (PN).
ON – Ações que lhe dão o direito de votar nas assembléias da empresa.
PN – Ações que lhe dão preferência na distribuição dos resultados, dividendos e juros sobre capital próprio, de no mínimo 10% superiores aos das ON. Dá também preferência no reembolso do capital em caso de liquidação da empresa.

Dividendos – É a parcela do lucro líquido da empresa, que é distribuída aos acionistas, na proporção da quantidade de ações que o mesmo detém, ao fim de cada exercício social. As empresas de capital aberto devem distribuir no mínimo 25% do seu lucro líquido. E se a mesma apresentar prejuízo, ela não tem a obrigação de distribuir os dividendos.
Portanto, antes de comprar ações de alguma empresa, veja como é a distribuição de dividendos dela.

Juros sobre capital próprio – São proventos pagos em dinheiro, dedutíveis do lucro tributável da empresa.

Como fazer?
Você pode operar no Mercado de Renda Variável das seguintes formas:
- Comprando cotas de algum Fundo de Ações, onde um gestor capacitado administrará as operações no Mercado, para a valorização das cotas do Fundo.
- Participando de um Clube de Investimentos, que é quase a mesma coisa dos Fundos, porém tem maior acessibilidade para o pequeno investidor.
- Operando diretamente por intermédio de uma corretora de valores, onde você pode comprar e vender ações no estilo antigo via telefone, ou da forma mais comum usada atualmente, o Home Broker, que são sistemas das corretoras onde você negocia via internet.

Nesse tipo de investimento você ganha dinheiro quando o preço da ação sobe em relação ao preço que você comprou e/ou quando você ganha com os dividendos e os juros de capital próprio. E pode ganhar ainda com o aluguel de ações, que abordarei no final.

Não existe valor mínimo para se operar diretamente, mas na minha humilde opinião só começa a valer a pena a partir de R$ 1.000,00. Isso porque as operações têm alguns custos, como a taxa de corretagem cobrada pela corretora, os emolumentos e a taxa de custódia.
Mas nada impede que você comece com R$ 10,00, comprando no Mercado Fracionário.
O Mercado Fracionário é onde você compra e vende ações quando não quer/pode comprar ou vender um lote inteiro (100 ações). No Fracionário tanto o preço como a liquidez, são um pouco diferentes do Integral.

Aluguel de Ações – Como alguns Ativos, tipo imóveis e automóveis, você pode alugar também suas ações. Funciona de forma parecida com as dos exemplos citados. Você compra, aluga, recebe o valor do aluguel e se o Ativo valorizar, seu patrimônio aumenta. Porém com ações, você ainda tem uma vantagem sobre os outros Ativos, que é a de se receber os dividendos e juros sobre o capital.

Nesse Mercado, existem diversas formas de ganhar dinheiro e aumentar seu patrimônio e muitas pessoas (A maioria) ficam perdendo tempo, guardando na cabeça o mito de que é esse o tipo de investimento mais arriscado!
Pense o seguinte:
Sempre que temos um dinheirinho guardado aparecem idéias de montar o seu próprio negócio, mesmo que você não tenha conhecimento algum de gestão de negócios, ou então um primo sempre aparece com “a super-idéia” faltando apenas capital. Daí você decide se confia mais em você do que nos gestores profissionais das grandes empresas listadas na Bovespa, ou ainda, se é melhor ser sócio desse seu primo, do que dos sócios da Vale, Petrobrás, Gerdau e etc.

Um comentário :

  1. Muito bom teu blog, adorei mesmo, volto mais vezes.Parabéns.meu blog é marthacorreaonline.blogspot.com

    ResponderExcluir

Escolha bem suas próximas palavras! hehehe
Brincadeirinha!