BREAKING NEWS

sexta-feira, 21 de agosto de 2009

Religião Versus Negócios

Como é que a religião influencia nos negócios? Isso é sempre bom? Sempre ruim?
...
Estou de volta depois de alguns dias ausente, inclusive vejo que foi uma semana de muitas visitas. O Blog nunca teve tantos visitantes! Muito legal ver como tudo vai crescendo. Como diz a máxima: "Cuide bem de seu jardim que as borboletas virão!" - Ou algo parecido com isso. Sei que ainda falta configurar uns botões no meu jardim, mas estou realmente sem tempo.
...

Pois bem, voltando ao assunto, esse tema veio a tona depois que uma nova funcionária da empresa teve uma enorme dificuldade em dizer que minha sócia não estava.
Quem lidera negócios sabe que vez ou outra, terá que dispensar alguns telefonemas, pois estará muito ocupado em outras coisas muito importantes. E dispensamos esses telefonemas, não por "não gostar" da pessoa, ou não dar importância ao que ela quer nos falar, mas simplesmente porque o momento não é oportuno para aquele telefonema.
Devemos ser diplomáticos e não mentirosos! - Lembro.

Às atendentes e secretárias cabe a tarefa de matar a ligação ali, dando uma desculpa bem "diplomática" e anotando os dados para entrarmos em contato posteriormente.
Simples assim!

Eis que minha nova funcionária não conseguia ser "diplomática" por causa de sua religião!
Chamei a mesma para conversar e ela me explicou aos prantos. Fiquei até com um pouquinho de dó! Não pelo seu choro, mas por sua cabeça, limitada pela religião.

Fui direto e disse: - Compreendo e respeito sua religião, mas se não puder ser assim num ambiente corporativo, pode pedir à minha RH para fazer suas contas!

A partir dali ela começou a agir normalmente, matando as ligações com delicadeza e diplomacia. Aliás ela tem sido uma funcionária muito empenhada em tudo o que delegamos a ela e dessa vez não foi diferente.

Eu frequento Igrejas Evangélicas e gosto muito, mas fico p... de ver pessoas que limitam suas vidas por medo de errar na frente de Deus.

Como diria o Mano Brown: Só de pensar em matar já matou!

Aos religiosos: Siga seus princípios e seu caráter nos negócios e não sua religião e se caso seus negócios contrastarem com eles, seja criativo.

5 comentários :

  1. N concordo com vc... Sua idéia n tem conteúdo!

    Acho q devemos SIM seguir nossa religião pois é ela q nos da forças para continuarmos vivendo!

    Ela também traz coisas boas e nos ajuda a conseguir o q queremos nos negócios.

    A melhõr opção é conciliar as duas coisas, mas nunca deixar a religião de lado.

    Pense nissoo!

    ResponderExcluir
  2. Não concordar com minha idéia, tudo bem. Mas dizer que a mesma não tem conteúdo é foda.
    Entendo sua posição religiosa sobre a situação e também acho que devemos fazer de tudo para conciliar as duas coisas.

    Aceito qualquer religião em meus negócios, desde que elas não atrapalhem ou limitem as atividades.

    Por favor não confunda religião com fé.
    Essa é minha opinião e ela tem fundamento. Talvez apenas não tenha o fundamento religioso que você está buscando.

    Abraço!

    ResponderExcluir
  3. Qual é mesmo o fundamento?
    Até dos ateus é esperado um comportamento ético. Princípios morais nada tem a ver com religião. O seu raciocínio limitado ("a religião escraviza o homem blábláblá") o impede de ver que não é necessário mentir para fazer qualquer que seja o trabalho: "O Sr Fulano não atenderá ligações neste momento, deixe o seu recado, que será repassado, e telefone para contato, que assim que for possível ele entrará em contato."
    A propósito, a sua ameaça, ou mente ou rua, é digna de uma bela ação trabalhista...

    ResponderExcluir
  4. Belo comentário Sr. Anônimo.

    Ah... não sou ateu, viu? Hehehe

    Adorei a nova desculpa, já até anotei pra não me esquecer.
    Meu raciocínio foi limitado mesmo...
    Quanto a minha ameaça, o sr. tem razão, mas quer saber? Fodas!

    O Blog está aqui para mostrar isso mesmo, ou seja, o que não se encontra nos livros e nas palestras do SEBRAE. Aqui está a verdade nua e crua das pequenas empresas, quer as pessoas gostem ou não.

    Talvez você conheça muito do "mapa" e assim pode focar seu raciocínio ilimitado inteiramente nele. Mas eu, meu caro leitor, estou trilhando o território e aqui não tem "fru-fru", você acerta e erra, cai e levanta. Felizmente, esse episódio foi um acerto tanto para a empresa, como para a funcionária.

    Abraço!

    ResponderExcluir
  5. Oi pessoal tem uma rede social que estou usando e acho muito legal, se chama Social Shalom.

    www.socialshalom.com

    Social Shalom– Rede Social é um portal religioso para pessoas que querem estar se relacionando com que acredita em Deus, ou quem quer conhecer e estar mais próximo de Deus.

    De fácil acesso, com excelente infra-estrutura e serviços de alta qualidade, A Rede Social Shalom é uma das melhores opções de conforto e interação social. Esse ambiente privilegiado favorece a assimilação e o compartilhamento de conhecimentos, bem como o encontro das pessoas com os outros.

    ResponderExcluir

Escolha bem suas próximas palavras! hehehe
Brincadeirinha!