BREAKING NEWS

segunda-feira, 28 de setembro de 2009

Meu Próprio Negócio - Como Ganhar

Este é o sonho de muitas pessoas. Algumas estão saindo da faculdade cheias de sonhos, outras trabalharam durante toda uma vida como empregados e agora vêm nisso a liberdade, e outros ainda nem passaram da adolescência e já vivem dando cabeçadas com o objetivo de terem o próprio negócio.

Seja bem vindo ao seu novo negócio!

Por quê sonhamos tanto?
Aliás, vou reformular...
Por quê sonhamos com coisas que não deveriam nos levar às nuvens, cheias de sentimentalismo e realizações?

Assim como a Casa Própria é apenas uma casa, o Negócio Próprio é apenas isso, um negócio.
E independente de ser seu ou não, ele precisará contar com muitos fatores, às vezes bem complexos, para dar certo.

Acho que a maior fraqueza destas e de outras pessoas é o fato do "Quanto Vou Ganhar".
Um Negócio é um Ativo como outro qualquer e seus rendimentos sobre esse Ativo, no início, provavelmente será baixo. O percentual de rendimento sobre o Ativo será baixo e provavelmente o valor do Ativo também será.
Ou seja, seus rendimentos poderão ser mínimos. Talvez nem capazes de te sustentar.

É essa a parte mais difícil de se colocar na cabeça de aspirantes a empreendedores!

Pra você receber qualquer tipo de rendimento sobre esse Ativo, você deverá saber antes qual o lucro obtido pelo Ativo em questão. Claro! Se você não sabe quanto o Negócio lucrou, como saberá quanto será seu rendimento?
Suponhamos que 15% dos lucros você tira pra você. Você terá que saber qual o lucro do negócio, para calcular seus 15%!
Não basta colocar na cabeça: "- Minha retirada é de 3 mil por mês!"
Estes 3 mil têm que ser provenientes da sua parcela nos lucros.

Como eu tenho muitos sócios e a maioria faz questão de trabalhar, uso o seguinte modelo:
- Os sócios ganham x% de rendimentos sobre o lucro da empresa, de acordo com o número de quotas de cada um e os mesmos ainda recebem salários por seus respectivos cargos na mesma. Porém estes cargos que ocupam devem ser merecidos, de acordo com as Leis da Meritocracia.

Meus negócios são apenas mais alguns Ativos em minha carteira, mas é claro que se eu puder trabalhar um tempo em cima deles, para que os mesmos aumentem seu valor, com certeza estarei à disposição, mas recebendo um salário por isso.

Se fizer tudo direitinho e tiver um pouquinho de sorte, o negócio dará certo e à medida em que cresce, você ganhará mais, pois seus 15% serão sobre algo maior.
Não existe tempo certo para um negócio crescer.
Não é o fator tempo que separa um pequeno negócio de ser uma Blue Chip, o que os separa é medido em distância. Como você estará preparado para percorrer esta distância é que definirá o tempo. Portanto esteja bem preparado e certifique-se de que seu Negócio também esteja.
A partir do momento em que tiver o foco em tornar seu Negócio LUCRATIVO, pois quanto maior o lucro, mais você ganha, terá uma probabilidade maior de crescimento de seu Ativo.

Se trabalha em seu Negócio, deve receber um salário de acordo com sua função, mas seus rendimentos deverão ser de acordo com os lucros do Negócio. E por favor, se há alguém melhor para trabalhar em seu cargo e receber o mesmo salário que você, terá apenas dois caminhos a seguir:
- Baixar seu salário e se preparar mais;
ou
- Deixar seu cargo e contratar quem faz melhor pelo mesmo preço.

Lembre-se: Seus Ativos devem ser maiores que você! Quanto maior que você eles forem, mais contribuirão para que você fique maior!

4 comentários :

  1. João,
    Acredito que várias pessoas também pensam em ter seu próprio negócio como uma possibilidade de realização profissional, (e não só por motivos financeiros)que muitas vezes não é obtida através do trabalho como funcionário de uma empresa, principalmente em grandes corporações, onde até a forma de se despachar o lixo é normatizada.Aliás, são poucas as pessoas que conseguem "ganhar" mais em um negócio que está começando do que como funcionário de uma empresa com uma carreira já estabilizada. O que vc acha disto?

    Razão

    ResponderExcluir
  2. Olá "Razão"!

    Achei muito interessante seu comentário, pois mostra outro ponto de vista.
    O Blog Dinheirologia é totalmente voltado para o sucesso financeiro e por isso abordamos apenas esse ponto de vista.

    Mas com certeza, apesar de eu considerar uma minoria, algumas pessoas abrem negócios com o intuito de se realizarem profissionalmente.

    Já com relação a sua pergunta, não considero que sejam poucas as pessoas que ganham "bem" em um negócio recém criado, considero que sejam uma minoria, mas poucas não. Tudo depende do nível do negócio e do capital investido. A maioria abre sem capital quase nenhum e quer ganhar muito já no começo. É pra este grupo (maioria) que post foi direcionado.

    Gostei de sua visão mais "humana" da coisa. Continue comentando!

    Abraço!

    ResponderExcluir
  3. ola,pois entao queria muito saber como posso avaliar melhor valores , para q eu possa comprar um pequeno negocio?estou na luta pra comprar uma loja de roupas , bijoteirias,sapatos, tudo so para mulheres, mais nao sei como fazer para fecha o negocio. nao tenho ideia de nada, vai ser meu 1 negocio a ser feito , vc pode me ajudar

    ResponderExcluir
  4. Tenha a sua franquia da Polishop com baixo investimento e alto retorno! Mais informações: www.sistemawinner.com.br/leandrocarvalho

    ResponderExcluir

Escolha bem suas próximas palavras! hehehe
Brincadeirinha!