BREAKING NEWS

quarta-feira, 9 de junho de 2010

Como fazer seu negócio lucrar mais na internet na era 2.0


Como fazer um negócio na internet lucrar?
Apresento aos leitores o primeiro post do Blog escrito por outra pessoa. Neste caso um empreendedor, leitor do Blog e amigo virtual, o @richardrx. Confiram pois ficou muito bom!
...

Há não muito tempo atrás ter um site na internet era algum tipo distorcido de status, os donos de pequenas e médias empresas no Brasil adoravam se vangloriar que seu negócio estava na internet, como um simples cartão de visitas contendo somente o nome da empresa, ramo de atuação e os telefones de contato.

Isso talvez funcionou por algum tempo bem lá no começo há quase uma década atrás quando desenvolvedores web (programadores e web designers) eram profissionais caros e tudo que se podia ter por um preço acessível era realmente um site estático, mas acontece que o cenário mudou bastante, mas acontece que muitos empresários e empreendedores não perceberam continuando a investir e sites que mais parecem um cartão de visitas impresso na tela do computador!

Banners rotativos e email marketing perdem a cada dia mais força, transformando-se em ações com pouco ou nenhum resultado, dando cada vez mais espaço a social media.

Social Media?

Talvez você ache que o Orkut, Twitter, e o Youtube sejam uma grande perda de tempo, mas talvez não saiba que oito a cada dez brasileiros possui cadastro em alguma rede social, gerando audiência muito maior do que qualquer canal de televisão aberta, jornal ou revista do país. Tem certeza que quer ficar de fora?


Mas o que essas redes fazem de tão certo? O que aprender com elas?

Como você pode ver neste infográfico as principais atividades do brasileiro na web são basicamente redes de relacionamento (Orkut e Facebook), upload de fotos (Fickr além dos anteriores) e upload de videos (Youtube e Vimeo). Tudo isso de forma compartilhada com os contatos (ou amigos virtuais se preferir).

Influência, Relevância e engajamento são três grandes as palavras do momento, então se você deseja entrar no meio dessa “roda de amigos” deve saber como produzir material de forma que seu produto/serviço entre de forma quase que espontânea, aproveitando-se dos acontecimentos e ondas de notícias do momento.

Como fica na prática?

Há pouquíssimas semanas atrás o dono de uma escola de curso preparatório para a OAB me consultou fazendo esta exata pergunta e não tardei muito a responder que poderia usar o caso nardoni em evidência, mostrando como atuaria o advogado de ambos os lados, aliando assim a teoria que estes alunos (clientes em potencial) precisam com aquilo que está em evidência na mídia.

Esse conteúdo relevante é que vai trazer os potenciais clientes até sua empresa de forma quase desapercebida já sabendo que sua empresa pode prover aquele bom produto ou serviço, está antenada ao mercado e aos acontecimentos, angariando assim cada vez mais clientes e lucros para seu negócio.

@richardrx

Fonte: Ibope Nielsen/NetRatings/Alexa

2 comentários :

  1. Opa até que enfim! hehe
    Só pra completar o post digo que tais estratégias já não são diferenciais e sim essenciais no crescimento dos negócios.

    Abração!

    ResponderExcluir
  2. Isso aí Richard! Belo post e esse complemento nos comentários foi nota 10.

    Abraço!

    ResponderExcluir

Escolha bem suas próximas palavras! hehehe
Brincadeirinha!