BREAKING NEWS

segunda-feira, 20 de junho de 2016

O Sétimo sentido do trader e a jornada para salvar Atena


Não se surpreenda com a comparação, abaixo provarei que ela é didática e provavelmente você verá que está em um desses momentos que serão descritos.

Optei por publicar esse texto no Dinheirologia porque é um grupo muito interessante, com uma proposta voltada ao trader e ao bom humor. Boa parte do público acompanhou a série e conseguirá fazer a comparação muito rapidamente. Aqueles que não conhecem "Os Cavaleiros do Zodíaco" não se preocupem, não há nada de tão extraordinário que você não consiga captar em uma simples leitura deste texto.

A batalha do trader se compara ao processo de batalha dos cavaleiros de bronze contra adversários claramente mais fortes. Normalmente, o personagem principal, Seya, se propunha a lutar contra alguém mais forte para defender Atena.

Ele proferia o primeiro golpe e não acontecia nada e de repente ele levava um "catiripapo" que tanto ele quanto nós pensávamos "Nussa, da onde veio?"

Assim é o primeiro passo no processo do trader. Ele entra na operação e de repente alguma coisa acontece de muito errado e ele não sabe absolutamente o que aconteceu. Recordo-me de uma vez, o João Homem aqui do Dinheirologia estava na minha casa em São Paulo e eu fiz uma operação. Eu, muito orgulhoso de mim mesmo, dizia para ele os motivos da minha entrada e os pontos que me protegiam. No meio da narrativa veio uma agressão monstro que pegou meu stop e continuou subindo, soando o gongo da execução da ordem.

Eu, inadvertido, distraído com a minha explanação, soltei um grito de susto, como se alguém tivesse chegado atrás de mim e dado um susto daqueles.

Esse é o golpe do qual me referia. Você está na operação, leva uma cacetada que nem sabe da onde veio.

O segundo passo na batalha do Seya era ver o golpe. Ele ainda apanhava mais que tapete em dia de faxina, mas conseguia ver o movimento e tinha a clara noção de que isso era uma evolução.

Deste modo, o trader também passa pelo processo de ver o que aconteceu. Por vezes viu e não pegou, viu o que gerou a reversão, viu a inversão do fluxo, a entrada, a saída, mas ainda não é consistente. Perde mais do que ganha.

Claramente é uma evolução. Passou pela fase de achar que era capaz e não era, depois viu que não era e realmente não era e aos poucos começa a ver qual é o caminho, entrar realmente no jogo, ainda que perdendo, por hora.

Bem, a terceira fase é óbvia. Ele da os golpes suficientes para derrotar o inimigo e partir para o próximo adversário. Também o trader, aos poucos, a partir do momento em que passou a ver os movimentos, consegue a consistência, desde que ele tenha tido concentração e paciência para passar pelos passos anteriores.

De nada adiantaria seu esforço se ele não tivesse o tempo para passar por todas essas fases. Proteger a Atena significa mantê-la viva. Quanto mais dinheiro você apostar nesse processo de aprendizagem mais a sua Atena corre risco e a possibilidade de você perder o seu mundo é maior.

Trate o processo de aprendizagem e consolidação como um processo lento e constante. Não tenha pressa de aumentar a mão.

Sou um dos professores do programa Ponto a Ponto e minha mão padrão no dólar é 8 mini contratos. De tempos em tempos sou questionado porque não opero maior e eu sempre respondo: "Não posso agir de forma diversa da que ensino".

Se é claro, para todos os professores que ensinam gestão de risco e para todos os traders que entendem minimamente de mercado que a quantidade deve ser mínima no começo e ir aumentando conforme consegue consistência, por quê só encontramos pessoas reclamando da falta de consistência e operando volumes financeiros enormes?

Não adianta se enganar. A Atena corre risco. Se você ainda está apanhando como o Seya no início da luta, mantenha a cabeça no lugar. Tenha a calma necessária, apanhe até não querer mais, mas vendo os movimentos. Estude e procure saber o que está acontecendo. É o único caminho para vencer o jogo.

Atingindo a consistência vá, vagarosamente, aumentando a mão, até chegar na quantidade que você julga confortável.

Sobre o Autor:

Cris Natividade é professor de mercado, trader, e Mestre em direito político e econômico pelo Mackenzie. Mais informações de seu curso de Trading junto com analista Leandro Martins, acesse o site www.formacaodetrader.com.br

2 comentários :

Escolha bem suas próximas palavras! hehehe
Brincadeirinha!